Vídeos da semana: Eike Batista, Jamie Oliver e Kevin Rose

Nesta semana, assisti a três vídeos que gostei muito. Cada um falando sobre assuntos distintos e igualmente fascinantes: negócios, nutrição e tecnologia. Seus protagonistas foram: Eike Batista, Jamie Oliver e Kevin Rose.

Vamos a eles:

Entrevista de Eike Batista ao Charlie Rose

O talk show do Charlie Rose é um conceituado programa de entrevistas nos EUA. Com seu background negro e a famosa mesa oval de carvalho, o entrevistador recebe grandes personalidades do mundo dos negócios, política e entretenimento.

Na última segunda-feira, dia 8 de fevereiro, o polêmico empresário-magnata brasileiro Eike Batista esteve por lá, numa entrevista muito interessante, onde ele falou sobre sua vida e sua missão de construir a infra-estrutura do Brasil do futuro. Por consequência, pode se tornar o homem mais rico do mundo (na entrevista, projetou um patrimônio pessoal de US$ 100 bilhões em 10 a 15 anos).

Ao redor de todo seu sucesso, há boatos sobre informações privilegiadas, imbróglios ambientais, excesso de marketing em negócios que ainda não estão consolidados, etc, mas é inegável a visão e convicção nas quais Eike estrutura seus empreendimentos. Seu papo convence, muito.

Clique na imagem abaixo para ver a entrevista.

Eike Batista


Jamie Oliver no TED 2010

Há uns 10 anos, vi pela primeira vez o Jamie Oliver no programa The Naked Chef, no canal People and Arts. Na época, ele era um garoto simpático ensinando suas receitas mediterrâneas em mais um programa de gastronomia.

Nesta última década, vários chefs viraram estrelas de TV, mas Jamie Oliver criou, consistentemente, uma carreira sólida, com vários trabalhos interessantes.

Nesta semana, ele palestrou e foi um dos vencedores do prêmio TED 2010, falando sobre educação alimentar para crianças. Sua crítica à indústria do fast-food e a necessidade de incluir alimentação fresca e saudável para todos, foi bem interessante.

Veja a palestra abaixo:



Kevin Rose analisa o Google Buzz

Um dos assuntos desta semana foi o Google Buzz, uma mistura de Friendfeed com Pownce, isto é, uma ferramenta para compartilhar, em tempo real, fotos, vídeos, links, idéias, tweets, etc. Será que precisamos de mais uma plataforma para compartilhar conteúdo? Eu, particularmente, não estou inclinado a usar o Buzz.

No vídeo abaixo, Kevin Rose, angel investor e fundador do Digg, analisa a necessidade do Google em ter mais informações, em tempo real, do que acontece na web. Vale a pena ver sua visão sobre o mercado de real-time search.

Veja abaixo o vídeo:

Comentários




Últimos livros